Luz e água cortadas para tirar dois idosos de casa

Senhoria de casal com 82 e 84 anos garante que despejo é legal e que Alfredo e Rosa têm mais três casas. Associação dos Inquilinos prepara queixa-crime.

A Associação dos Inquilinos do Norte de Portugal vai apresentar uma queixa-crime contra a senhoria de um casal de idosos que os quer despejar “de forma ilegal e criminosa”. Os dois inquilinos, de 82 e 84 anos, vivem no 1.º andar de um prédio antigo de Cedofeita, no Porto, e queixam-se de “coação psicológica”. A senhoria diz que há cessação do contrato e que o despejo é legal. Enquanto aguarda a decisão do tribunal, já cortou a campainha, a água e a luz ao andar onde vivem os idosos. Este têm usado água de garrafão, que vão comprando.

“Está a ser preparada a documentação necessária para a associação apresentar uma queixa-crime contra a senhoria, porque aquilo que ela está a fazer para além de ser ilegal, é criminoso”, afirmou ao JN Laurinda Ribeiro, a advogada da associação que tem acompanhado os idosos. “O casal de inquilinos tem um contrato que já vinha dos anteriores senhorios e tem as rendas em dia. Acontece que foi substituída a fechadura da porta de entrada e a nova chave foi entregue a todos os moradores do prédio menos aos dois idosos”, explica a advogada. “Isto é coação pura. Estou na associação há 20 anos e nunca me apareceu um caso como este”, acrescenta Laurinda Ribeiro.




Source link