República Tcheca sai na frente, mas Neres comanda reação e Jesus garante virada :: ogol.com.br

O Brasil voltou a não criar muito, principalmente no primeiro tempo, e até saiu atrás, mas se recuperou na segunda etapa e acabou vencendo a República Tcheca, em Praga, por 3 a 1, com dois de Gabriel Jesus.

Em amistoso preparatório para a Copa América, David Neres foi uma boa notícia para Tite. O atacante entrou bem no segundo tempo e foi decisivo na virada. Gabriel Jesus também, com dois gols. O time de Tite não convenceu de novo, mas venceu… 

Mudanças na defesa e insegurança no meio

O Brasil foi com uma defesa diferente para encarar a República Tcheca, com Alisson no gol, Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro. De resto, só Allan ganhou oportunidade. O meio e o ataque eram os mesmos, na busca por mais criatividade. 

Diante de um adversário com moral baixa após goleada sofrida para a Inglaterra, Coutinho atuava pela canhota tentando recuperar seu futebol. Só que Coutinho seguia apagado, o meio não era criativo e a saída de bola era problemática, com erros de passe. 

Os atacantes tentavam mudar de posição. Richarlison ia para a esquerda, Coutinho para o meio, Firmino se movimentava mais. Só que nada surtia efeito: todo mundo parecia muito distante. A bola não rodava de pé em pé, mas era lançada pelo alto. 

Os tchecos tinham espaço para os contragolpes, mas também não aproveitavam. Alisson foi trabalhar em cobrança de falta no canto. Schick bateu por baixo da barreira e Alisson fez a defesa. Os donos da casa cresceram nos erros brasileiros. 

Aos 36, após nova falha na saída de bola, Pavelka acertou um chutaço de canhota de fora da área. Alisson se jogou, mas não evitou a entrada da bola. Mais pressão em cima do time de Tite… 

Segundo tempo melhor

A seleção brasileira aproveitou um rival também com muitas falhas para empatar logo no início do segundo tempo. Após recuo de bola terrível da defesa, Roberto Firmino aproveitou e deixou tudo igual. 

O Brasil deu alguns leves sinais de melhora no segundo tempo. Firmino tentou participar mais do jogo e Coutinho fez uma jogada com sua cara, levando para a direita e batendo no canto. Pavlenka espalmou. 

Outro ponto positivo no time brasileiro foi a entrada de David Neres. O jovem ponta quase marcou após linda tabela pelo meio. Na cara do gol, porém, Neres acabou parando em defesa de Pavlenka. 

Aos 37, um grande contragolpe acabou sendo fatal. Danilo enfiou ótima bola para David Neres, que rolou para o outro lado, onde estava Gabriel Jesus. O atacante aproveitou e virou o placar. 

Ainda houve tempo para o terceiro, em ótima triangulação do ataque. Jesus abriu para Neres, que tocou de calcanhar para Allan. A bola voltou, em seguida, para Jesus, que parou primeiro em Pavlenka, mas depois mandou para a rede, confirmando a vitória. 


Source link

todos marcam nesta Itlia :: zerozero.pt

Não há quem pare esta seleção italiana. Oito golos marcados e nenhum sofrido nos dois jogos de qualificação para o Euro 2020. A seleção azzurra venceu e goleou o Liechtenstein por 6×0 e é líder isolada do grupo J.  

O marcador foi inaugurado aos 17 minutos, através do médio de 23 anos do Sassuolo, Stefano Sensi. A partir daí, não houve descanso para a defesa do Principado.

Marco Verratti aumentou a vantagem aos 32 minutos e, ainda antes do intervalo, houve tempo para Fabio Quagliarella bisar, através da conversão de duas grande penalidades. Ao intervalo, 4×0 a favor da Itália e o Liechtenstein a jogar com 10.  

Recorde-se que Quagliarella, jogador de 36 anos é atualmente o melhor marcador da Série A com 21 golos. Na seleção, o veterano italiano leva oito golos em 27 internacionalizações.

Kean marcou pelo segundo jogo consecutivo Italy

No segundo tempo, foi a vez do mais novo: Moise Kean, 19 anos. O astro da Juventus marcou o seu segundo golo na sua terceira participação na seleção italiana. A esta altura, aos 70 minutos, 5×0 para a Itália. Mas o resultado ainda não ficou por aqui…

A dez minutos do fim, e cinco minutos depois de entrar na estreia por Itália, Leonardo Pavoletti, avançado do Cagliari, marcou o seu primeiro golo pela seleção Nazionale. 6×0 para a formação liderada por Roberto Mancini numa noite com golos de todas as idades. 

Bósnia deixa fugir vitória e gregos aproveitam

No outro jogo do grupo J, a Bósnia deixou fugir a vitória e empatou frente à Grécia por 2×2. Edin Visca e Miralem Pjanic marcaram para os bósnios aos 10 e 15 minutos do primeiro tempo. 

Na parte complementar, os gregos reduziram primeiro através de uma grande penalidade que Fortounis (Olympiacos) não desperdiçou e por Kolovos, já aos 85 minutos. Destaque ainda para a expulsão do bósnio Pjanic, aos 65 minutos. 

De resto, merece nota ainda a titularidade dos benfiquistas Samaris e Odysseas Vlachodimos na equipa helénica que, com este empate, fica no segundo lugar do grupo, em igualdade pontual com a Bósnia, quatro pontos. 


Source link

Palmeiras atropela Novorizontino e se garante na semifinal do Paulista :: ogol.com.br

O Palmeiras atropelou o Novorizontino, no Pacaembu, e garantiu vaga na semifinal do Campeonato Paulista com goleada por 5 a 0. 

Depois do Santos, que mais cedo eliminou o Red Bull Brasil, o Verdão foi o segundo time a garantir vaga na semifinal. São Paulo x Ituano e Corinthians x Ferroviária lutam pelas outras duas vagas. 

Atropelo começa pelo alto

Empolgado pela torcida, o Palmeiras foi para cima e abriu o placar logo aos cinco minutos. Recebendo cobrança de escanteio na área, Felipe Melo marcou de cabeça. 

O segundo não demorou muito, e veio também na bola pelo alto. Dudu fez o cruzamento, Deyverson desviou e Ricardo Goulart apareceu para empurrar para dentro. 

O 2 a 0 em poucos minutos deu a tranquilidade que o Palmeiras precisava. Com a vaga encaminhada, o time teve tranquilidade e controlou mais o jogo. 

O Novorizontino não mostrou muita força para reagir no primeiro tempo. Chegou a ameaçar com Jean Patrick, mas Fernando Prass fez uma das poucas defesas. 

Vaga tranquila

O jogo ficou ainda mais tranquilo para o Palmeiras na volta do intervalo. Logo nos primeiros minutos, o árbitro marcou pênalti após toque de mão na bola, e Scarpa abriu 3 a 0. 

Aos 14 minutos, quando Deyverson invadia a área, o Alviverde conseguiu novo pênalti, com o atacante derrubado. Na cobrança, Dudu colocou mais um na conta. 

O Tigre abaixou a cabeça, e acabou atropelado. Gustavo Scarpa cresceu no jogo e, em arremate de fora, quase fez mais um. Quando teve chance de chute na área, não desperdiçou e fez o 5 a 0. 

Foi uma agradável noite de futebol para os quase 30 mil palmeirenses no Pacaembu. O time mostrou intensidade quando preciso, mas também soube cadenciar o jogo para envolver o adversário. Vitória mais do que justa de mais um semifinalista. 

PALMEIRAS

EMPATE

GRMIO NOVORIZONTINO


Source link

Paragem FIFA aborrecida? porque no viu o Sua x Dinamarca :: zerozero.pt

Quantos são os que se queixam das paragens FIFA? São as lesões, as paragens nos campeonatos e o futebol que é aborrecido. Normalmente até podemos dar alguma razão a esses argumentos, mas com jogos como o Suíça x Dinamarca tudo isso cai por terra. Não foi o melhor jogo da história, mas a recuperação dinamarquesa vai certamente ficar na memória desta qualificação, com a formação nórdica a empatar (3×3) na Suíça, quando ao minuto 83 ainda estava a perder por 3×0!

Foi um jogo que teve um pouco de tudo e que começou por lembrar um pouco aquilo que se passou no Portugal x Sérvia. Isto porque a Suíça chegou à vantagem com um golo de Freuler, assistido por Ajeti, com o avançado suíço a ajeitar a bola com o braço de forma clara. Nenhum dos árbitros viu e a Suíça levou a vantagem para o intervalo.

Suíços festejaram antes do tempo UEFA.Com

Na segunda parte, a Dinamarca procurou lutar contra a injustiça, mas acabou por ver um golo anulado por fora de jogo de Poulsen… que estava em jogo. Parecia que tudo estava contra a Dinamarca, que, ao minuto 66, viu Xhaka fazer o 2×0, com um remate forte de fora da área, e pouco depois Embolo a apontar o 3×0, com contribuição de Akanji e de Schmeichel, que não ficou muito bem na fotografia.

Parecia que tudo estava decidido, mas o minuto 84 trouxe uma réstia de esperança para a Dinamarca. Eriksen bateu o livre e Jorgensen desviou de cabeça quando faltavam apenas seis minutos para o final. A Suíça sentiu o golpe e deu todo o espaço do mundo para o 3×2, da autoria de Gytkjaer. O 3×3 parecia adivinhar-se. Sommer ainda o evitou, mas acabou por facilitar logo a seguir e permitir os festejos dinamarqueses. Dalsgaard subiu mais alto que toda a gente e cabeceou para um empate que poucos apostavam. Um jogo de loucos a animar a paragem FIFA.

Numa espécie de nota, porque esta notícia merece ser só sobre este jogo, a Irlanda bateu a Geórgia por 1×0 e aproveitou o início da fase de grupos relativamente acessível para se chegar à frente no grupo D, liderado agora pela seleção irlandesa, que soma seis pontos graças a um golo solitário de Hourihane.


Source link

0 a 0 com Red Bull garante Santos como primeiro semifinalista do Paulista :: ogol.com.br

O Santos confirmou vaga como o primeiro semifinalista do Campeonato Paulista ao empatar sem gols com o Red Bull Brasil, no Moisés Lucarelli, nesta terça-feira. 

O Alvinegro Praiano havia vencido o jogo de ida, por 2 a 0, e se confirmou na semifinal mesmo com o empate sem gols em Campinas. 

Santos busca gol para mais tranquilidade

Mesmo com a boa vantagem conquistada na ida, o Santos quis mais gols para matar de vez o adversário. Eduardo Sasha queria manter a boa fase, e quase abriu o placar. 

Logo no primeiro minuto, Sasha parou em defesa de Júlio César. O goleiro pegou, em seguida, cabeçada de Copete. Jean Mota foi outro a parar em Júlio César. 

Completamente dominado nos primeiros 15, 20 minutos de jogo, o Red Bull só conseguiu ameaçar aos 26, após jogada de Aderlan. Deivid teve chance melhor, mas furou feio!

Apesar dos sustos, o Peixe carregava uma boa vantagem, e o Toro Loko não mostrava poder de reação. Com Jean Mota participativo, o melhor time em campo era o Alvinegro. 

Susto bem dado

Jorge Sampaoli ainda colocou Rodrygo para o segundo tempo, e o lado santista seguia perto de marcar. O atacante acabou derrubado na área em lance que a arbitragem mandou seguir, mas que poderia ter resultado em pênalti. 

Os donos da casa esboçaram entrar no jogo em chute de Osman. O arremate acabou acertando o poste, e não passou de um susto bem dado em Vanderlei. 

O Red Bull não voltou a ameaçar, e a vaga santista veio mesmo sem o time conseguir a vitória. O jogo foi esfriando no fim, até que terminou mesmo sem bola na rede. 

RED BULL BRASIL

EMPATE

SANTOS


Source link

Diogo Queirs e Rafael Leo surgiram lado a lado e falou-se de competitividade, estatuto e de um possvel salto no Drago :: zerozero.pt

Depois do triunfo contra a congénere de Inglaterra, foi possível ouvir intervenientes da seleção portuguesa de sub-20 e desta vez vieram a dobrar. Diogo Queirós, central do FC Porto, e Rafael Leão, avançado do Lille, falaram um pouco sobre a forma como os jogadores avistam o próximo Mundial.

A envergar a braçadeira de capitão, Queirós admitiu que a participação na prova poderá vir a permitir um salto no Dragão rumo à equipa A. Tudo poderá depender de como correrá a prova.

Diogo Queirs
Elite League Sub-20 2018/2019

3 Jogos  270 Minutos
ver mais

«É mais um momento competitivo, todos nós queremos estar lá. Todos nós queremos dar o nosso melhor. A nível individual, e para mim, vou dar o meu melhor para conseguir mostrar ao meu clube que estou apto para estar na equipa A. É com esse intuito que vou dar tudo no Mundial», garantiu o central na sala de imprensa.

Já sobre as escolhas de Hélio Sousa para esse próximo Mundial – a convocatória final será conhecida no início de maio -, Rafael Leão reforçou que tudo se baseará no trabalho realizado ao longo destes meses. «Eu trabalho no clube, trabalho na seleção, depois cabe ao mister escolher os que estão mais preparados para estarem presentes no Mundial», indicou o jovem avançado, com uma opinião que o capitão apoiou.

Rafael Leo
Elite League Sub-20 2018/2019

2 Jogos  95 Minutos
ver mais

A geração que agora ocupa o espaço dos sub-20 conquistou o título europeu de sub-19 e esse facto reforça o estatuto da equipa no Mundial, a disputar na Polónia. Os jogadores não se escondem disso mesmo e tentam tirar o melhor partido. Palavra de capitão.

«O trajeto desta geração tem sido exemplar, isso ainda nos coloca mais pressão, mais gente a olhar para nós, mas nós gostamos disso, sabemos lidar com isso. Admito que temos estatuto, as pessoas olham para nós com outros olhos e vamos estar à altura da expectativa», assegurou Diogo Queirós.


Source link

as metas do Lille e o assunto Sporting que ser resolvido mais cedo ou mais tarde :: zerozero.pt

Foram dois testes com o Mundial em vista, a cerca de um mês e meio de ficarmos a conhecer a convocatória definitiva para a prova, e Rafael Leão somou 95 minutos entre os dois encontros da seleção sub-20, diante de Alemanha e Inglaterra. Na partida frente aos ingleses, esta terça-feira, o avançado voltou a ficar em branco mas andou a espreitar o golo depois de entrar em campo aos 73 minutos.

Juntamente com Diogo Queirós, que envergou a braçadeira de capitão, o jovem avançado compareceu na sala de imprensa após o encontro em Penafiel e abordou de forma sintetizada a mudança para França e o imbróglio a respeito da saída do Sporting.

Rafael Leo
Ligue 1 2018/19

19 Jogos  1125 Minutos
ver mais

«No início foi um pouco complicado», começou por dizer sobre a mudança para o Lille, «pela adaptação a um país diferente, não estava habituado. Estava habituado a estar com a minha família em Portugal, mas tive pessoas muito importantes no clube que me ajudaram. Tenho de agradecer às pessoas e sinto-me orgulhoso por estar a fazer uma grande época».

O sensacional segundo lugar no campeonato deixa o Lille a espreitar uma possível presença na Liga dos Campeões do próximo ano e o avançado admitiu o desejo de vir a marcar presença na prova: «Vamos pensando jogo a jogo, mas claro que o objetivo é estarmos presentes na Liga dos Campeões, é o sonho de qualquer jogador».

A rematar a conversa, abordou-se o tema Sporting, mas o avançado não se quis alongar sobre o assunto. Garantiu, porém, que tudo ficará resolvido entre as partes. «É um assunto de que não gosto muito de falar. Há pessoas que estão a tratar disso. Eu foco-me em jogar futebol, que é aquilo de que mais gosto, acho que esse assunto vai ser resolvido mais cedo ou mais tarde».

O jovem jogador, recorde-se, rescindiu contrato com o Sporting e rumou ao Lille, mas o assunto está ainda a ser debatido em tribunal tendo em vista um possível pagamento do clube francês ao emblema de Alvalade pela transferência.


Source link

1 a 0 no Marrocos :: ogol.com.br

A seleção argentina entrou em campo nesta terça-feira, após a derrota para a Venezuela. Mais uma vez, o time foi uma decepção. Sem Lionel Messi, os argentinos não fizeram boa partida, mas conseguiram vencer o Marrocos com gol de Ángel Correa já perto do fim. 

Em mais um amistoso, o técnico Lionel Scaloni escalou um ataque com Lautaro Martínez, Dybala e De Paul. Não deu nada certo, e o primeiro tempo foi um longuíssimo filme de terror. 

Na segunda etapa, entraram Matías Suárez, Ángel Correa, Zaracho, Lo Celso. Mais uma vez, poucas chances. O vento em Tanger não ajudava muito, mas não dá para colocar a culpa no clima… A Argentina mais uma vez não jogou nada bem.

O gremista Kannemann, titular, não comprometeu em seu desempenho defensivo. Mas o ataque… O ataque… A vitória só veio perto do fim, em um dos poucos ataques de qualidade. Correa fez boa jogada individual e bateu cruzado para garantir o triunfo sem graça, sem sal. 


Source link

À Martelada e sem pena dos Young Lions


Meio jogo de sol, meio jogo de noite agradável e um ainda mais agradável triunfo por 1×0 no último grande teste da seleção sub-20 de Portugal antes da participação no Mundial, a disputar na Polónia. Em Penafiel, e perante bancadas com poucos lugares vazios, uma equipa lusa recheada de mudanças venceu a Inglaterra, que detém o título mundial (como seria de esperar, já não tem neste escalão as grandes figuras dessa conquista), e mostrou que há talento em toda a comitiva, não só no onze mais provável para a participação na prova de maio.


Source link

No tem um 9 como eu :: ogol.com.br

Não faltou sinceridade na entrevista coletiva do atacante Gustavo, nesta terça-feira. Sem se preocupar com a renovação de contrato com o Corinthians, o jogador falou do bom momento que vive e defendeu até uma convocação para a seleção brasileira. 

“Estou no Corinthians, amigo. Pelo o que venho fazendo, almejo sim chegar na Seleção. Na nossa Seleção não tem um 9 da minha característica. Gabriel Jesus e Firmino são mais de movimentação. Mas vou trabalhar, quem sabe consigo uma vaguinha”, declarou. 

Segundo Gustagol, Tite não tem, na atual seleção, opções de um camisa 9 mais finalizador, “estilo Fred”. Firmino e Jesus “são de mais movimentação”. Gustagol citou Pedro, do Fluminense, e se incluiu nos postulantes a uma vaga no setor. 

“O futebol brasileiro sente falta de jogadores novos, tem eu e o Pedro, que está voltando de lesão. Mas tem outros como Fred, que é da mesma característica. Hoje na seleção estão os de mobilidade. Mas a gente sabe bem o caminho do gol, o caminho na área”. 

Na atual temporada, Gustagol já fez oito gols em 14 jogos com a camisa corintiana. Ano passado, o jogador já havia sido destaque com 30 gols em 45 partidas com a camisa do Fortaleza. 

Brasil

Gustavo


Source link